Calouros e Veteranos: atenção à legislação que proibe o trote. Cuidado com as punições que serão aplicadas

 

Franca, fevereiro de 2011.
 
Prezados discentes e docentes do Uni-FACEF ,
 
Enviamos, anexo, cópia de uma Notificação do Ministério Público Federal, recomendando a adoção de medidas para coibir o Trote em nossa Instituição. 
 
Encaminhamos, ainda, cópia da Lei Estadual nº 10.454, de 20 de dezembro de 1999, que proíbe o trote nas instituições de ensino superior vinculadas ao Conselho Estadual de Educação, que é o nosso caso, por sermos um órgão público. 
 
Informamos que, se vierem a ocorrer os trotes proibidos, dentro ou fora das nossas instalações, será aberta a necessária sindicância para a identificação dos autores, que estarão sujeitos às penalidades previstas na lei e em nossos estatutos. 
 
Desta forma estamos recomendando os nossos "veteranos" que não adotem as condutas proibidas e participem do trote solidário, denominado "Gincana do Bixo", evento em que a nossa Instituição é pioneira no Brasil e que visa uma integração sadia do "calouro" à família Uni-FACEF.
 
Como no ano passado, além da arrecadação de alimentos para as instituições sociais de nossa cidade (creches, asilos, etc.), de Sustagem para o Hospital do Câncer e a doação de sangue, estaremos arrecadando objetos para o Leilão Anual da APAE de Franca. 
 
A participação em ações sociais, além de possibilitar o exercício da cidadania, é muito bem vista pelas empresas públicas e privadas, na análise dos currículos, e aumenta a possibilidade de empregabilidade dos candidatos.
 
Esperamos contar com a sua colaboração.
 
Atenciosamente,  
 
Prof. Dr. Alfredo José Machado Neto
Reitor do Uni-FACEF Centro Universitário de Franca